segunda-feira, 15 de dezembro de 2008

Pois é, efectivamente não pensei num título em condições para este post...

Ora viva,


Depois de umas semanas fora dos relvados por lesão, estou de volta para mais uns minutos de jogo.
Bem, pensando melhor, tenho realmente uma camisola do Benfica com o nº10 mas reparei que afinal não sou o Aimar.
Na verdade tive apenas uma lesão na minha vontade de escrever e estive, portanto, umas semanas ausente da blogosfera, que não tenho bem a certeza se é um blog que é uma fera ou uma esfera feita de blogs. Em qualquer dos casos, é algo que faz todo o sentido.


Enfim, coisas para contar acerca das minhas vivências fabulosas nesta ilha.
Há muitas, mas não posso contar tudo. Gosto muito de todos vocês e, como sabem, se partilhar certas e determinadas informações com um indivíduo chamado Antero, por exemplo, de seguida terei de assassinar o indivíduo chamado Antero. O mesmo se aplica para indivíduos chamados Constâncio, Ildebrando, Jocivalter ou outro qualquer nome popular.


Bem, basicamente o que não tem acontecido ultimamente é a precipitação. Ok, acredito que por vezes me possa precipitar, mas não é a isso que me refiro. Tirando uns míseros 2 ou 3 dias, nas últimas semanas não tem chovido. A contrapartida é a descida da temperatura em 2 ou 3ºC. Mas o pessoal nem se importa muito, desde que não chova.

É interessante constatar a humidade do ar, mesmo com tempo seco. À noite (que agora começa perto das 17h), com a temperatura a aproximar-se dos 0ºC (ou passar - abaixo, naturalmente), pode tornar-se divertido andar um bocadinho de carro pela cidade, patinando no gelo acumulado na estrada. Gelo esse que também se acumula nos carros. E eu que sempre quis ter um carro com o topo branco e o resto preto...

É interessante também o cenário ao sair do trabalho. Durante o dia seria uma bela paisagem, sem dúvida. Durante a noite, o frio, juntamente com os sons vindos dos topos das árvores - centenas de corvos e morcegos em amena cavaqueira - e a escuridão contribuem para que eu espere, com naturalidade, que a qualquer momento apareça um gajo com uma máscara e de moto-serra na mão a correr atrás de mim.


Quanto a eventos de importância capital para o desenvolvimento da civilização humana, houve o TSSG Day, no início do mês, com um dia de palestras e debates a ser seguido por comida e bebida num pub. Aí participámos num pub quiz, com alguns jogos de Wii à mistura, o que deu para fazer umas figuras que seriam francamente tristes caso não tivéssemos já bebido uns quantos pints.

Entretanto houve ainda tempo para furar pela primeira vez um dos pneus do carro. Tendo em conta a qualidade destas estradas, era apenas uma questão de tempo.

Também tive oportunidade de ingerir bastante carne contaminada. Penso que sem as dioxinas já não é a mesma coisa, mas se dizem que é melhor para a saúde, tudo bem.

Já neste fim-de-semana (13/12) desloquei-me a Dublin para um jantar português. Português, por causa do pessoal, porque a comida era italiana. E foi uma forma agradável de conhecer mais portugueses que por cá habitam.


E por agora é quase tudo. Se quiserem saber mais, podem sempre ler as previsões para o meu signo. Ou melhor, basta perguntarem a alguém do meu signo o que lhe aconteceu, porque deve ser basicamente a mesma coisa.


Deixo agora algumas fotos acerca destas últimas semanas.













Ups, afinal não deixo fotos. E
ra só para criar alguma ansiedade nos estimados leitores. Fica para a próxima. :P



Cheers!

3 observação(ões) de carácter irónico ou mordaz:

Anónimo disse...

Isto é só paleio de chácha...
Ou um chácha de paleio...
Ai, já nem sei o que estou para aqui a escrever.
Bom Natal a todos os que se deram ao trabalho de lerem este comment.
Por hoje é tudo. Este foi o Jornal Nacioal e eu não sou a Manuela Moura Guedes!!!!

Carla (Coimbra).

CRMV disse...

Uma história para contar??
:))
se tiveres alguma historia ou caso q mereça e possa ser contado, vai até lá ao meu blog, ok?
Bom Ano!

Dunguinha disse...

E eu acabei por nao ir a janta.. sniffffff....